Hospital OTOclínica migra para ambiente cloud e adota monitoramento Flowti

Objetivo foi diminuir instabilidades, aumentar a segurança dos dados e reduzir custos. A operação foi conduzida pela Flowti.

O Hospital OTOclínica, que faz parte do Grupo OTO, iniciou sua trajetória em 1991. Hoje, são mais mil colaboradores, dois pronto-atendimentos, sete unidades de análises clínicas, quatro unidades de imagem, 38 leitos de UTI, mais de 132 leitos de internação, hemodinâmica, centro cirúrgico, dois centros de especialidades médicas, serviço de homecare e vacinas.

Instabilidades de sistemas críticos para a instituição, necessidade de aumentar a segurança dos dados, além de obter escalabilidade no ambiente Oracle Cloud motivaram o Hospital OTOclínica a sair do ambiente on premises, modelo onde softwares e aplicações são instaladas localmente, para a nuvem. 

Toda a operação foi conduzida pela Flowti, empresa especializada em soluções robustas para melhorar a performance no ambiente de TI dos negócios, com ampla atuação no segmento saúde e cases de norte a sul do Brasil. 

Como resultados da mudança para a nuvem, podem ser destacados a redução de custos e o rápido atendimento às necessidades de negócio. O gerente de TI do Hospital OTOclínica, Paulo Feitosa, destaca que “com o suporte e manutenção do ambiente com a Flowti, a instituição conseguiu também liberar mais tempo para a equipe interna”.

Para o setor de saúde, em especial, a cloud é um modelo que rapidamente se adapta ao cenário do cliente. Rodrigo Luch, diretor de Serviços e Tecnologia da Flowti, explica que o principal benefício da nuvem é que quando há alto volume de operação é possível crescer facilmente o ambiente, sem necessidade de compra de novos equipamentos, bem como diminuir o ambiente em eventuais baixas. “Não é tendência, é realidade. Clientes que não olham para cloud estão defasados no sentido de estratégia e crescimento de negócio”, destaca Luch.

Monitoramento Flowti

Outro ponto importante na gestão do ambiente digital no setor de saúde é garantir que os dados estejam sempre disponíveis, 24 horas por dia, sete dias na semana. Para tanto, é necessário monitorar o ambiente de TI. Conforme destaca Luch, isso permite que se fique um passo à frente dos problemas possíveis de identificação antes que gerem de fato impacto. Por isso, além de migrar para a nuvem, o Hospital OTOclínica optou também por um novo modelo de monitoramento com a Flowti, utilizando a plataforma Zabbix, ferramenta robusta focada em monitoramento de redes, servidores e serviços, pensada para monitorar a disponibilidade, experiência de usuário e qualidade de serviços.

Com interface 100% Web para administração e exibição de dados, os alertas do sistema de monitoramento desenvolvidos pela Flowti com o Zabbix podem ser configurados para utilizar vários métodos de comunicação, como SMS, E-mail, Telegram e abertura de chamados em sistemas de helpdesk. O sistema permite, ainda, que ações automáticas como restart de serviços sejam executados a partir de eventos.

A mudança tem trazido bons resultados. “Todas as informações que precisamos para realizar o acompanhamento do ambiente são de fácil acesso, auxiliando no monitoramento diário”, destaca Feitosa.

O gerente de TI do Hospital OTOclínica aponta ainda que sempre que se observa qualquer instabilidade, já olham logo a plataforma de monitoramento da Flowti para verificar se não tem nada de errado nos servidores. “Quando descartamos essa possibilidade, vamos analisando as questões internas. Desta forma, evitamos inclusive de abrir chamados desnecessários para verificar algo nos servidores”, explica.

Atualmente a instituição utiliza o SOUL MV como ferramenta de gestão hospitalar. A solução contempla o melhor Prontuário Eletrônico do Paciente da América Latina, eleito neste ano de 2021 pela sexta vez consecutiva pelo instituto norte-americano Klas. Além disso, o sistema é totalmente integrado com as soluções de cloud e o monitoramento Flowti.

Quer falar com um especialista da Flowti?

Solicite o contato agora mesmo!
;